Depilação a Laser nas Axilas

A depilação a laser nas axilas (ou epilação de axilas a laser) é um processo rápido e eficaz de remoção permanentemente dos pêlos indesejados. A depilação a laser pode ser realizada na maior parte do corpo, tais como o rosto, costas, peito, pernas, virilhas e axilas, deixando a pele lisa, macia e sedosa. É uma alternativa segura e acessível em comparação com a depilação tradicional ou depilação a cera e evita o crescimento dos pêlos.

Ao realizar as sessões de depilação a laser regularmente, seguindo o plano de tratamento personalizado, os pêlos tornam-se mais fracos e mais finos até chegar ao seu resultado desejado. Para a maioria das pessoas, depois de 10 tratamentos de depilação a laser, 80% dos pêlos naquela área são removido de forma permanente. O resultado vai depender do tipo de pêlo e de pele, frequência e regularidade de tratamentos, outros fatores podem estar relacionados tais como o estilo de vida, fatores hormonais e o entre outras situações pessoais. Consulte o seu médico dermatologista para melhor conhecimento das possibilidades de tratamento.

Formas de depilação a laser nas axilas.

Formas de depilação a laser nas axilas.

A depilação a laser nas axilas

A rapar repetidamente as axilas torna a área propensa a pêlos encravados, cistos e fortalece ainda maia os pêlos. Com a depilação a laser nas axilas, não terá de se preocupar com a depilação e pêlos indesejados.

A epilação a laser é a solução ideal para a remoção de pêlos indesejados e com menos dor. O pêlo é destruído pela raiz acabando por sair totalmente. Depilar as axilas permanentemente leva apenas alguns minutos e pode começar com o primeiro tratamento de imediato.

Onde fazer a depilação a laser nas axilas?

A depilação a laser é um procedimento médico e como tal deve ser realizado por centros de depilação credenciados e por profissionais qualificados. Além disso, um médico licenciado serve como um diretor médico para cada centro de estética e tem como responsabilidade supervisionar e zelar por todo o tratamento e competência da equipa médica.

Veja Artigos Similares