Home / Depilação Permanente / A Depilação Permanente

A Depilação Permanente

Remover os pêlos incomodativos do nosso corpo é importante. Existem vários métodos que permitem remover esses pêlos, existe a depilação permanente e a depilação não permanente. Estes métodos podem ainda ser diferenciados em dois tipos de remoção de pêlos.

Tipos de Remoção de Pêlos

No campo da depilação existe a epilação e a depilação.

  • Na epilação remove-se os pêlos indesejados através de métodos de remoção de pêlos que irão afetar o folículo. Além de remover o pêlo também afeta o processo de crescimento do mesmo.
  • Na depilação remove-se os pêlos indesejados sem danificar o folículo de pêlo (permitindo assim o reaparecimento de pêlos).

Assim um exemplo de epilação é a depilação com laser ou eletrólise, pois estes removem o pêlo e danificam o folículo piloso; são então considerados métodos de depilação permanente. Na depilação considera-se a depilação com cera, em que se remove o pêlo à superfície da pele recorrendo a uma banda pegajosa (cera). Apesar de muitas vezes o pêlo ser arrancado pelo folículo, não afeta a sua capacidade de crescimento.

Métodos de Depilação Permanente

Estes são métodos de remoção de pêlos invasivos, pois penetram a pele, quer seja através de pulsos de luz, ou de sondas através dos poros.

Depilação Por Eletrólise: na eletrólise recorre-se a corrente elétrica (em quantidades mínimas) para danificar o folículo piloso, impedindo que este volte a crescer. É inserida uma pequena sonda em cada folículo que irá provocar dano local. É moroso, mas eficaz.

Depilação a Laser: desde 1990 que a depilação a laser é um método muito popular na remoção permanente de pêlos. Recorre-se à combinação de luz e pulsos para danificar o folículo piloso. É comum ter que se repetir tratamentos, mas com o tempo o pêlo deixa de crescer.

Depilação Com Luz Pulsada: é um método de depilação permanente ligeiramente diferente, mas semelhante à depilação a laser. A grande diferença é que na depilação com luz pulsada há um maior alcance e comprimento de onda maior do que na depilação com laser. Além disso a luz pulsada também pode ser usada no tratamento de problema da pele e rejuvenescimento da pele. Este método não é de todo considerado como depilação permanente, pois apenas 80-90% da área tratada não volta a apresentar pêlos.

Métodos de Depilação Não Permanente

Além dos métodos de depilação permanente há ainda os não permanentes. Estes são não invasivos e podem ser feitos em casa. São exemplos:

  • Depilação com lâmina ou pinça
  • Depilação com cera – aplica-se cera quente ou fria nos pelos a remover.
  • Depilação com açúcar – como a depilação com cera, mas usa-se açúcar numa pasta pegajosa.
  • Cremes depilatórios – aplicação de cremes e géis tópicos que quebram a ligação do pelo ao folículo levando a que estes caiam.
This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views : Ad Clicks :Ad Views :